Archive for dezembro, 2007

A gravidez é… bela!

tuca Não é nenhuma verdade, claro.

Mas por mais que você canse de repetir a frase acima, quase que como um mantra, tudo o que vai ouvir em troca é:

Imagina! Estou uma baleia, estourando.
Pareço um bujão, vestido com lona de circo.
Não consigo nem mais enxergar meu pé…

E por aí vai…

Fazer o que?
Eu sei lá, não sou conselheiro amoroso

O que eu faço?
Bom, eu dou uma risada, acaricio sua barriga e, após um beijo, digo que sim, ela está mais linda do que nunca.

Se adianta?
Claro que não, mas pelo menos ganhei o beijo.

19 dezembro, 2007 at 7:40 pm 1 comentário

A gravidez é… escatológica!

censored Prepare-se para conhecer o desconhecido.

Ouvir o inimaginado.

Ver o impossível.

Conheça a mulher grávida!

Esqueça aquela figura doce, a voz suave e a aura de patchuly que a envolvia. O que você vai vivenciar é uma verdadeira transformação.

Brincadeiras à parte você vai descobrir que, assim como você sua mulher também peida (sim, peida, aqui é blog de menino), arrota e tem um sistema digestivo, ou seja, é capaz de expelir material semi-decomposto a cada gorfada.

E o pior… somos os culpados. Afinal, 50% daquela barriga ali é nossa responsabilidade.

Gravidez é divisão.
Esteja preparado para segurar seu cabelo enquanto ela tenta acertar o vaso, passar um pano pra limpar onde ela não acertou – afinal ela estará A-CA-BA-DA largada na cama –  e tentar dormir enquanto soa uma sinfonia peidofônica durante toda noite.

E não há solução.

O máximo que você podemos fazer é rir da situação, tornando-a mais divertida.

E, como não custa nada avisar, nem pense em acompanhá-la soltando um também.
Homem sim, porco não!

17 dezembro, 2007 at 6:27 pm 6 comentários

iPod my baby

eu, com 6 meses Uma das coisas mais divertidas em ter um filho é pensar nas inúmeras possibilidades de sacaneá-lo enquanto ele ainda não pode fazer nada.

Maldade? Não.

Vai dizer isso pra minha mãe que me vestiu de caipira quando tinha apenas 6 meses, com direito a bigodinho, costeletas e monocelhas feitos à lápis.

E foi pensando nisso que cheguei no iPod my Baby, que hoje se chama iPop my baby (ninguém é besta de comprar briga com a Apple).

ipop Claro que, como bom geek que sou, não me contive e comprei um macacãozinho branco como o meu iPod.

A compra foi bem tranquila, mas para realizá-la é preciso ter uma conta no PayPal, o que encarece um pouco mais o custo final.

O prazo de entrega é longo principalmente por causa de nossa alfândega, mas o contato da empresa é super atencioso, e é feito não só por e-mail, mas também via Google Talk.

Depois de pouco mais de 30 dias da encomenda recebi o body aqui em casa.

A qualidade da malha e do silk que simula a rodinha do iPod é boa, mas nada de excepcional. Recomendo a compra somente praqueles tarados por tecnologia ou apple maníacos.

Agora é esperar o Rafa nascer pra fazer uma fotografia especial!

Alguma sugestão?

ipop2 ipop3

14 dezembro, 2007 at 6:14 pm 1 comentário

O que comprar de enxoval?

Atualização: Coloquei no final do post a lista de enxoval em mais dois formatos (além do Google Docs): Excel e Acrobat. Assim não dá mais pra dizer que não conseguiu ver.

shopping Esta é mais uma da série de perguntas que 10 em cada 10 pais grávidos se faz, assim que a ficha cai.

E após as primeiras visitinhas às lojas destinadas aos nossos pimpolhos e os primeiros gastos por impulso logo ficamos preocupados com quanto essa brincadeira toda vai custar.

Já pensou que bom seria sabermos do que vamos precisar nos primeiros 9 meses de vida, e assim fingirmos que não vemos aquela vendedora com sorriso estonteante oferecendo mais um super-incrível-especial-e-imperdível body branco igualzinho aos outros vinte e oito que você já comprou?

Seus problemas acabaram!

Aqui está uma planilha com absolutamente todos os itens que você vai precisar, desde a montagem do quarto, passando por objetos de higiene, coisas para a mamãe e, claro, roupinhas.

lista velah

Reza a lenda que essa é uma lista que foi compilada e vem sendo passada adiante e aprimorada há mais de 12 gerações, com a inclusão e a retirada de alguns ítens que se tornaram desnecessários, como manjedouras ou fraldas de pano.

Esta é a versão que chegou até nós e que, aprimorada por minha mulher e mais duas amigas que também estão grávidas, compartilho hoje com você.

Clique abaixo e suspire, aliviado!

googledocs excel_icon PDF-icon
Google Docs, Excel ou PDF
Mesmo conteúdo, 3 formatos pra ninguém reclamar

Ah, sentiu falta de algo pro pai?

Pois é… vai se acostumando.

8 dezembro, 2007 at 5:09 pm 3 comentários

Montando o quarto

little-girl-carrying-books Prepare-se para ver sua mulher chegando em casa com uma pilha de revistas embaixo do braço.

E não apenas chegando, mas folheando-a junto com você que, claro, quer assistir ao clássico Linense x Tubiacanga – ou qualquer outra coisa que esteja passando na televisão.

Quando chega na hora de definir a decoração do quarto do bebê parece que as revistas mais ajudam que atrapalham. Por quê?

Vamos às muitas respostas:

1 – As possibilidades são infinitas – sim, existem quartos inspirados em todos os tons da escala Pantone e em todos os animais da floresta.

2 – Não há meio termo – A grande maioria dos quartos está super ou sub decorada, mil ou milhões – o que é constrangedor em ambos os sentidos.

3 – São muitas as páginas, mas a grande maioria é composta de anúncios – nada de inspiração.

4 – Repetição – o que você vê em uma revista você vê em todas.

5 – Lacradas – isso mesmo, como Kinder Ovos, mas com surpresas invariavelmente desagradáveis.

E agora? O que fazer?

Minha dica, pra que você poupe seu suado dinheirinho é: compre a revista Decora Baby, da Editora Escala.

R-DECBABY01b É de longe uma das melhores revistas disponíveis nas bancas, com as melhores fotos e com os projetos mais criativos.

Mas atenção, 6 edições são mais do que suficientes para ter uma excelente gama de variedades. Depois disso vira tudo mais do mesmo.

O projeto que escolhemos saiu das páginas da revista.

Decoração da Ri-Pô-Pi, móveis da Berta Gonçalez.

Logo conto como ficou.

* A ilustração que abria o post anteriormente era de Simone Mendes mas, como foi utilizada comercialmente pela Revista Capricho não poderia ser autorizada a republicação por aqui. Mas ela ainda pode ser conferida no site da artista, junto com uma série de outras ilustrações incríveis, mais exatamente aqui.

** Como já dito anteriormente, esse blog não tem vínculo nenhum com as empresas citadas, refletindo apenas a minha opinião. Comprei todas as Revistas com preço de capa, paguei móveis e decoração sem desconto.

1 dezembro, 2007 at 1:22 pm 3 comentários


Lista de Enxoval

Faça o download de uma lista de enxoval para pais que não sabem o que comprar e muito menos por onde começar, clicando no formato preferido:


googledocs

excel_icon

PDF-icon